Expurgo

cansei dessa pasmaceira tosca que teima em segurar os tornozelos...
cansei dessa luta franca com a fraqueza, parece que teimo em permanecer parado no tempo...
cansei desse cativeiro escuro onde tranquei-me a certo tempo...
cansei desse dilema...


Acordo suado e ofegante...
Olho para os lados e vejo tudo no canto...
fora só um sonho falando do tempo em que eu acreditava estar morto.
Comentários
0 Comentários